Notícias

SECTET apresenta para o setor produtivo o Programa Start Up Pará

SECTET apresenta para o setor produtivo o Programa Start Up Pará

SECTET apresenta para o setor produtivo o Programa Start Up Pará

Nesta segunda-feira (10) foi realizada uma reunião de trabalho na Federação das Indústrias do Pará (FIEPA)com Carlos Maneschy, secretário de estado de Ciência, Tecnologia e Educação Técnica e Tecnológica. Com a participação da diretoria da FIEPA, representada pelo presidente José Conrado Santos, e da FAEPA, representada pelo presidente Carlos Xavier, o encontro teve como objetivo a apresentação ao setor produtivo do Programa Start Up Pará, de incentivo à inovação e desenvolvimento de empresas, e do Projeto de Lei do Governo do Estado que prevê a destinação de recursos oriundos da Contribuição Financeira de Exploração Mineral (CFEM) para o desenvolvimento da ciência e da inovação no Pará. 

O edital do Programa “Start Up Pará”, que alcançará empreendedores em todo o Estado, foi lançado na última segunda-feira (03). O programa vai disponibilizar cerca de R$3 milhões ao longo deste primeiro ano. Os interessados poderão apresentar propostas de inovação e conquistar apoio financeiro para o seu desenvolvimento. No mesmo dia do lançamento, o governador Helder Barbalho assinou o Projeto de Lei (PL) que destinará recursos de cerca de R$70 milhões para o desenvolvimento da ciência no Estado todos os anos. O PL prevê a destinação de 20% da CFEM para o setor no Pará. 

Durante a reunião na FIEPA, o secretário Carlos Maneschy destacou a importância da produção mineral para o Pará, mas defendeu que essa riqueza seja muito bem distribuída para o Estado. “Devemos criar alternativas para que essa produção possa dar seguramente condições para que essa atividade possa beneficiar um conjunto maior de paraenses”, ressaltou o secretário.

O presidente do Sistema FIEPA, José Conrado Santos, elogiou a iniciativa do Governo do Estado em incentivar a inovação e disse que a própria indústria paraense em geral precisa disso, pois encontra-se hoje, por exemplo, com seu maquinário defasado. Além disso, o presidente pontuou o quanto o próprio Sistema Indústria teve que se reinventar para atender a demanda de inovação provocada pela indústria. “Esse é um desafio do SENAI, que está no caminho certo com seus 27 Institutos de Inovação pelo Brasil, um deles funcionando aqui no Pará”, lembrou.

O secretário Maneschy disse ainda que outras ações que o governo vem tomando em relação ao desenvolvimento é a formação profissional de jovens, com o apoio do SENAI e do SENAR, e o aumento gradual da oferta de vagas de universidades públicas em municípios onde hoje não existe essa oferta.

 

 

Compartilhar:
LOCALIZAÇÃO
Tv. Quintino Bocaiúva, 1588 - Nazaré -
66035-190 - Belém/PA
CONTATOS
(91) 4009-4965
sac@sesipa.org.br
SIGA O SESI